Ciclo de implantação do eSocial


Situação:

A partir de 2018, o eSocial será a única forma dos Empregadores enviarem informações trabalhistas, previdenciárias, fiscais e fundiárias ao governo. O eSocial é o repositório dessas informações que formará um banco de dados único, armazenando os dados da vida laboral do trabalhador.

Orientação:

A implantação é orientada e executada por critérios mensuráveis aplicados diretamente na realidade do cliente. Para atender as exigências do eSocial, afastando multas e retrabalho, desenvolvemos o método de 3 etapas para entregar as informações saneadas, gerenciar os processos que impactam no eSocial e alinhar o departamento de Saúde e Segurança do Trabalho.

 


Ciclo de 3 etapas

1ª Etapa: Entrega do eSocial

 

 

 

Observações: a primeira etapa é responsável pela implantação, com a respectiva entrega das informações saneadas ao eSocial, treinamento operacional dos responsáveis pelo envio das informações, palestra de conscientização das lideranças, testes e envios oficiais, com valor jurídico. Essa etapa é composta por:

1ª. Saneamento de base:

Regularização e validação das informações atuais com as tabelas e campos dos leiautes do eSocial (eventos S-1000 a S-1080); revisão das incidências e naturezas da tabela de rubricas (evento S-1010); identificação e ajuste das inconsistências dos dados cadastrais; ajuste e validação dos dados dos trabalhadores (eventos S-2200 e S-2300).

2ª. Envio teste para produção restrita:

Envio dos eventos: iniciais, de tabelas, não periódicos e periódicos ao ambiente de homologação do eSocial.

3ª. Treinamento operacional dos usuários:

Aprendizagem sobre o conteúdo operacional, as formas e procedimentos necessários para o envio das informações.

4ª. Envio oficial:

Acompanhamento do envio oficial de todos os eventos ao ambiente do eSocial: eventos iniciais, de tabelas, não periódicos e periódicos ao ambiente de produção do eSocial.

5ª. Conscientização das lideranças:

Palestra de impacto com o objetivo de aproximar e desenvolver comunicação livre de ruídos entre os Líderes e o Setor ou Departamento de Recursos Humanos. Nossa linguagem é simples e de tratamento direto da matéria

 


2ª Etapa: Gestão do eSocial

 

Observações: a segunda etapa é responsável pela gestão dos processos internos que impactam na entrega contínua das informações ao eSocial, alinhando a estrutura, processos e pessoas para atender as exigências do governo. Essa etapa é composta por:

 

1ª. Análise dos processos:

mapeamento, validação e desenvolvimento de processos internos que envolvam setores estratégicos da Empresa ou do Órgão Público, por meio de entrevistas, observação, simulação e relatório de consistência.

2ª. Desenho dos processos:

implantação e alinhamento dos processos internos, por meio das matrizes (5W3H) desenhadas para as atividades previamente mapeadas que envolvam processos dos Recursos Humanos como admissões, afastamentos, CAT, rescisões, recrutamento e seleção, benefícios, elaboração e fechamento da folha de pagamento. As atividades são representadas por cartões em um quadro visual para que sejam facilmente encontrados gargalos e cadências.

3ª. Treinamento operacional dos usuários:

aprendizagem sobre o funcionamento do quadro, fluxo, cartões, cadências, limites, demandas e entregas das atividades que impactam no eSocial.

 


 

3ª Saúde e Segurança do Trabalho

 

Observações: a terceira etapa é responsável pela entrega das informações do Departamento de Saúde e Segurança do Trabalho, bem como a gestão de seus processos internos que impactam na entrega contínua desse setor. Essa etapa é composta por:

 

1ª. Criação de processos para controlar os prazos de exame dos trabalhadores:

mapeamento, validação e desenvolvimento de processos internos de controle, por meio de observação, análise, simulação e implantação.

2ª. Criação de processos de comunicação com os Recursos Humanos:

para informar sobre PPRA (Programa de Prevenção de Riscos Ambientais), PCMSO (Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional), exames, afastamentos, acidentes dos colaboradores.

3ª. Validação dos processos de integração:

entre os sistemas que gerarão as informações.

4ª. Desenvolver a gestão de serviços terceirizados de medicina:

quando houver.

FALE CONOSCO

Como funciona e quais são os benefícios do BPM?


O BPM (Business Process Management), é uma prática de gestão, com emprego de ferramentas que ajudam no gerenciamento e melhoraria continua do fluxo de trabalho com aumento da agilidade e desempenho operacional.

Isso significa descobrir e conhecer informações sobre os processos internos, estabelecendo claramente o fluxo de trabalho das atividades de uma organização ou grupo de pessoas.

 

BPM

 

A verificação da melhoria é feita pela medição do tempo de execução e a qualidade da entrega da atividade. O tempo é o único recurso que não conseguimos recuperar, por isso é fundamental ser medido diante dos critérios de qualidade estabelecidos para uma entrega satisfatória.

A agilidade na organização ou no grupo é obtida quando passamos a manter um equilíbrio no fluxo das atividades envolvendo as atividades recebidas na demanda e as atividades entregues após a execução do trabalho. Não é desejável receber mais tarefas do que podemos suportar ou isso aumentará a incerteza sobre a qualidade e a previsibilidade na entrega das atividades.

A ideia do BPM não é gerar uma revolução nas práticas já realizadas, oferecendo uma resposta pronta; mas conhecer as atividades realizadas pela organização ou pelo grupo em um fluxo de trabalho que possibilite a análise sobre a consistência dos processos internos para torna-los mais ágeis e seguros.

A pessoa mais próxima da execução da atividade é, provavelmente, quem está em melhor condição de propor uma solução prática e eficaz. Manter um canal de comunicação aberto com a equipe é essencial para receber informações que ajudarão na adaptação e eventuais mudanças no fluxo de trabalho. Ao garantimos a participação de todos, recebemos informações de variadas fontes e perspectivas, melhorando nossa percepção para uma tomada de decisão mais realista.

Deseja melhorar a comunicação na sua organização ou grupo? Clique AQUI.

 

 

BPM

 

Para entendermos o fluxo de trabalho de um grupo ou de uma organização, criamos um quadro visual para a distribuição das atividades, tornando-as visíveis na verificação de seu funcionamento, suas relações e correlações com outras atividades, o quanto a equipe pode suportar de trabalho em determinado tempo, a existência de “gargalos” e a qualidade da entrega.

Isso representa um aumento na previsibilidade da entrega, além de estabelecer um ritmo do trabalho mais adequado para a experiência da equipe. O quadro é uma ferramenta de controle das atividades dentro de um fluxo de trabalho estabelecido por uma equipe de pessoas.

Quando não visualizamos o trabalho, tendemos a focar nossa atenção nas pessoas e não no cumprimento das atividades. Passamos a colocar nosso medo imaginário para fora com perguntas como “Será que as pessoas da equipe estão suficientemente ocupadas?”, “Será que vão dar conta do recado?”, “Será que conseguiremos entregar as atividades dentro do prazo?”.

Tornar visual o fluxo de trabalho é descobrir informações invisíveis sobre os processos internos, gerando maior integração da força de trabalho da equipe e maior conhecimento sobre a distribuição das atividades.

O quadro reflete o comportamento “ao vivo” da equipe e, como um espelho, é possível visualizar todas as atividades e encontrar, com facilidade, informações sobre o que já foi entregue, o que está em andamento e o que está pendente.


Deseja conhecer as informações escondidas nos seus processos?

Entre em contato para conhecer e experimentar processos mensuráveis que podem substituir medos imaginários, trazendo clareza sobre o fluxo de trabalho da sua equipe.

Garanta, continuamente, o cumprimento das atividades com agilidade e previsibilidade de entrega.

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Seu número de telefone com DDD (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem

Fale conosco

BPO (Business Process Outsource) – Terceirização da Folha de Pagamento


A Terceirização de Folha de Pagamento – BPO Business Process Outsource –é a solução completa, envolvendo a folha de pagamento das empresas. Esse serviço envolve processamento de folha de pagamento, admissão, desligamento, férias, adiantamento, benefícios, encargos sociais, provisões, 13º salário, emissão das guias de recolhimento, garantindo a entrega das exigências trazidas pelo eSocial.

FALE CONOSCO